Flamenco em Granada

Flamenco em Granada

O flamenco é a expressão da alma andaluza. Esta fusão de dança, voz, expressão e sentimento foi declarada Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.

O flamenco ou "cante jondo" é uma fusão de dança, voz, expressão e sentimento que se popularizou na Andaluzia no século XVIII e se espalhou por outras regiões espanholas, como a Estremadura e Múrcia. Em 2010 a Unesco declarou o flamenco Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade

Origens do flamenco

É difícil encontrar uma origem do flamenco, já que ele nasce da fusão de elementos árabes, ciganos, judeus e cristãos. Todos estes estilos se misturam com a cultura andaluz, dando lugar a uma dança folclórica de longa tradição. 

O flamenco tem muito de improvisação. Sobre o tablado os dançarinos, acompanhados de músicos e palmas, conectam movimentos e interpretam o sentimento mais profundo do flamenco. 

Ao longo do tempo e através das distintas regiões da Andaluzia, o flamenco foi evoluindo e dando lugar a diferentes estilos: bulerías, malagueñas, fandangos, soleás e granaínas

Uma forma de expressar sentimentos

Um dos fatores que diferenciam o flamenco de outras danças e estilos musicais é sua forte carga emocional. Os dançarinos expressam através de sua voz, seu corpo e seu rosto sentimentos tão profundos como a paixão, a angústia, o desespero e o amor. Isso fica claro nos nomes de alguns dos estilos de flamenco, como as alegrías (alegrias) e as soleás (de "soledad", que significa "solidão"). 

O dedilhar da violão acompanha o sapateado sobre o tablado e o lamento dos cantores, criando uma atmosfera única. Estes elementos são comuns no flamenco de Córdoba, no flamenco de Sevilha e nos estilos de outras províncias andaluzas. 

O flamenco em Granada: a zambra

Um dos berços mais importantes do flamenco da Andaluzia é sem dúvida Granada. O epicentro do flamenco na cidade é o bairro de Sacromonte, onde todas as noites as tabernas em forma de caverna se enchem de tablados de flamenco. Além disso, neste bairro é possível encontrar vários cursos de guitarra espanhola (violão), um elemento fundamental do flamenco. 

A zambra é um tipo de flamenco que nasceu em Granada e se caracteriza por suas raízes ciganas. Para dançar zambra é necessário estar com os pés descalços, de saia longa e castanholas. É um estilo de flamenco que remonta ao século XVI e compartilha características com a dança do ventre. A zambra começou a se popular em Granada em casamentos mouriscos (espanhóis mulçumanos batizados). 

Desfrutar de um espetáculo de flamenco

Se você deseja desfrutar desta arte em seu estado puro, poderá ver um espetáculo de flamenco no Albaicín no ambiente único dos Jardins de Zoraya. Se preferir desfrutar de uma zambra granadina, recomendamos ver um espetáculo de flamenco nas Cuevas Los Tarantos, no coração do Sacromonte.  Você também pode desfrutar de um espetáculo flamenco no tablado La Soleá, em plena praça de touros de Granada.