Capela Real

Conheça uma das atrações turísticas mais visitadas de Granada e aprecie de perto a cripta que abriga os restos mortais dos Reis Católicos, assim como objetos pessoais dos monarcas que mudaram a história de Granada

História

história de Granada está intimamente ligada à figura dos Reis Católicos. O casal de monarcas chegou à cidade em 1842 e executou uma importante campanha militar conhecida como a Guerra de Granada, que terminou com a expulsão definitiva dos mulçumanos e a conquista da cidade. 

Isabel I de Castela e Fernando II de Aragão decidiram construir sua capela sepulcral na capital granadina e consagrar para sempre sua vida nesta cidade. A capela foi erguida no lugar ocupado pela antiga mesquita maior da cidade e sua construção não foi finalizada até 1517. Até então, os restos dos Reis Católicos descansaram no convento de São Francisso, na Alhambra

A Capela Real está dedicada a São João Batista e a São João Evangelista e tanto seu interior como o seu exterior seguem a estética da austeridade solicitada pela rainha Isabel. No entanto, quando ela morreu, seu marido não respeitou esse desejo e ordenou a construção da sepultura em um estilo renascentista carregado de detalhes. 

A sepultura dos Reis Católicos

No centro do cruzeiro da capela, descansam as sepulturas de Isabel I de Castela e Fernando II de Aragão, além da filha do casal, Joana, e seu marido, Felipe. Ambas as sepulturas estão esculpidas em mármore e apresentam uma representação dos monarcas em grande escala. O monumento funerário está decorado com medalhões, imagens de santos e anjos. 

Sob o monumento sepulcral há uma pequena cripta à qual se tem acesso por escadas. Aí é possível observar os caixões de chumbo dos quatro membros da realeza e o sarcófago do neto dos Reis Católicos, o Infante Miguel de la Paz, que morreu ainda criança. 

Esta cripta, de acentuada austeridade, abriga também objetos pessoais dos Reis Católicos, como suas coroas e o cetro que utilizavam. 

A Sacristia-Museu

A Capela Real também abriga uma exposição que apresenta o legado dos Reis Católicos. Na Sacristia-Museu você encontrará várias pinturas de artistas flamencos que fizeram parte de uma coleção privada da rainha Isabel, os trajes cerimoniosos dos monarcas, livros e objetos que ouro que usavam em seu dia a dia. 

Indispensável

A Capela Real é um dos monumentos de Granada que você não pode deixar de ver caso esteja viajando pela cidade da Alhambra. Ver o conjunto artístico da capela e contemplar as sepulturas de personagens históricos da importância dos Reis Católicos é vital para guardar uma recordação única de Granada. 

Se você desejar visitar a Catedral de Granada e a Capela Real mais detalhadamente, pode reservar nossa visita guiada

Horário

De segunda a sábado: das 10:15 às 18:30 horas.
Domingos e feriados: das 11:00 às 18:00 horas.
Fechado: Sexta-feira Santa, 25 de dezembro e 1º de janeiro. 

Preço

Entrada geral: 5€ (áudioguia incluído).
Estudantes até 25 anos: 3,50€
Menores de 12 anos: entrada gratuita.
Visita gratuita às quartas, das 14:30 às 18:30 horas. 

Transporte

Ônibus: linhas 8, 21, 33, C31, C32 e C34